Skip to content

Novo teto de financiamento do PMCMV, ou, O Eduardo já sabia.

07/02/2011

Será que sai muito caro um artigo semanal do Eduardo?

 

Quem goza do privilégio de ter o Eduardo como amigo pode pular este post.

A notícia complementa o comentário feito em relação ao novo teto fixado pela Caixa para financiamento dentro do PMCMV, https://paraconstruir.wordpress.com/2011/02/03/mudanca-nos-precos-maximos-do-pmcmv/

O Valor de 07 de fevereiro informa o que o Eduardo já havia comentado com mais detalhes no dia 02 de fevereiro, data do aviso oficial da elevação do teto.

“Após conseguir o aumento do teto dos preços do Minha Casa, Minha Vida – que agora chegam a até R$ 170 mil – a construção civil aguarda uma segunda medida do governo: a ampliação da renda do comprador, que continua em R$ 4,9 mil, no máximo. Isso porque não houve uma correção proporcional da renda, nos casos em que o valor do imóvel passa de R$ 130 mil para R$ 150 mil ou R$ 170 mil (em todas as capitais e cidades acima de 1 milhão de habitantes). Da forma como foi feita, a extensão do teto – embora maior do que o previsto – pode ser pouco aproveitada em função da limitação da renda do comprador.”

A exemplo da Folha, ver link no primeiro parágrafo, e do Eduardo o Valor também explica de forma didática como funciona…

“Para concessão do crédito, a conta é feita de trás para frente: a partir da renda familiar, chega-se ao valor do apartamento e do subsidio (caso se enquadre na faixa que conceda o benefício). Ou seja, não adianta o apartamento custar R$ 170 mil, porque o financiamento máximo passa pouco dos R$ 130 mil.”

“Uma simulação na calculadora da própria Caixa Econômica Federal, feita a pedido do Valor por uma empresa do setor, mostra que o limite máximo de prestação que é possível conseguir no Minha Casa, Minha Vida é de R$ 1,47 mil. Essa prestação, considerado prazo e taxa, permite aquisição de um imóvel de R$ 132,5 mil, ou seja, valor próximo aos R$ 130 mil anteriores.”

Mas não tem ninguém zangado no Setor não! Pelo contrário, a alteração do teto irá ajudar muito nos casos em que os custos de terreno e insumos já não permitiam mais o enquadramento do imóvel numa das faixas pretendidas. Nestes casos a diferença já estava sendo negociada entre construtora e cliente, agora a prática fica oficializada.

O governo estava preocupado com a ameaça de construtoras em reduzirem a carteira na baixa renda, justo agora que a meta é atingir 2 milhões de imóveis entregues até… 2014 eu acho.

Outra ajuda é que “O aumento deve ajudar imóveis que “esbarravam” nos R$ 130 mil, ou seja, eram avaliados pela CEF em pouco mais do que isso e saíam do programa. Nesses casos, as empresas refaziam os projetos e os colocavam em um patamar mais elevado.” Ver https://paraconstruir.wordpress.com/2010/11/09/demora-e-burocracia-atrapalha-pmcmv/

Enfim para o bem ou para o mal ficamos assim…

 “O valor de R$ 170 mil, a princípio, é considerado muito mais viável, mas por esbarrar na limitação de renda, terá um beneficio reduzido. “O benefício é marginal acima dos R$ 130 mil e só poderá ter alcance maior à medida que se mexa no teto da renda”, diz Leonardo Correa, diretor de relações com investidores da MRV.”

“O benefício será integral em dois casos: cidades entre 50 mil e 250 mil habitantes (cujo valor máximo passou de R$ 80 mil para R$ 100 mil) – e onde as grandes empresas não costumam atuar – e de 250 mil a 1 milhão de habitantes (nas quais o teto passa a R$ 130 mil). Já as cidades dessa proporção são alvo das maiores. Nesses casos, a renda permite um aumento da prestação e do valor do apartamento – o que faz com que a elevação do valor do imóvel possa ser aproveitada integralmente.”

Já passou da hora do blog contar com um consultor especializado que nem este Eduardo em tempo mais integral!

2 Comentários
  1. Eduardo Almeida permalink

    Amigo, o privilégio é meu de acompanhar o blog. A sua competência é tão grande que você até encontrou uma foto minha para colocar no artigo. Continue com o bom trabalho.

Trackbacks & Pingbacks

  1. Mais grana para poder comprar a nova casa « Para Construir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 515 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: